quinta-feira, 13 junho, 2024

Trigêmeas recebem alta do Hospital Regional

Compartilhe essa notícia:

As trigêmeas Lavínia, Olívia e Sophie ganharam alta na segunda-feira (13), após 79 dias internadas no Hospital Regional do Oeste (HRO). As bebês, acompanhadas dos pais Carlize Paulina Both e Anderson de Araújo, foram para casa em Tunápolis (SC), onde a família estava ansiosa para conhecê-las. As trigêmeas precisaram superar diversos obstáculos neste período no hospital, mas vão para casa com saúde e serão fonte de felicidade para todos familiares.

“Toda família está ansiosa para conhecer elas, já estão há muito tempo esperando, e a gente nem contou que vai para casa, vai ser uma surpresa para todos”, conta a mãe Carlize. “Éramos apenas eu e ela, agora estamos voltando para casa com três criancinhas lindas no braço. A vida se transformou”, completa o pai Anderson.

Ao nascerem, no dia 23 de fevereiro, as três precisaram de cuidados intensivos, em decorrência do baixo peso, já que nasceram de 28 semanas de gestação. As bebês foram encaminhadas para a UTI Neonatal, onde passaram por vários procedimentos, entre eles: ventilação, intubação, acompanhamento com cardiologista, oftalmologista, entre outros, necessários para o quadro. Após quase dois meses de UTI, conforme o ganho de peso individual e os cuidados mais complexos sendo resolvidos, foram transferidas para a Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal Convencional (Ucinco). Em todo o processo o hospital prezou pelo atendimento humanizado, com o contato direto com os pais.

As trigêmeas evoluíram significativamente neste período que estiveram no hospital. A Lavínia, passou do de 960g para 2600g, a Olívia passou de 970g para 2570g e a Sophie passou de 1025g para 2775g. A equipe médica comemora essa conquista.

“Da mesma forma que eles confiam na gente, precisamos da ajuda, dia após dia, dos pais presentes aqui, se dedicando, se empenhando e percebemos que juntos a gente caminha para tudo dar certo. Nós, sem os pais, sem a enfermagem, nada teria dado certo, ficamos muito feliz, que as três estão saindo daqui bem, nasceram pequenas e foram se desenvolvendo, é gratificante ver elas indo para casa”, afirma uma das médicas assistentes da UTI Neonatal, Márcia Bergamo.

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Campanha arrecada Livros para Arroio do Meio

Depois das enchentes no último mês no Rio Grande do Sul, Chapecó adotou a...

Female vence na Liga Feminina de Futsal

A equipe da Prefeitura de Chapecó/Female Futsal/Unochapecó recebeu o Londrina Futsal no sábado (08)...

Brasil empata com EUA em último teste antes da Copa América

Seleção brasileira abre placar com Rodrygo, mas não segura vantagem O Brasil ficou no empate...

Dia dos Namorados: entenda por que o Brasil celebra a data em junho

Outros países, com os Estados Unidos, celebram o Dia dos Namoras em 14 de...
error: Este conteúdo é protegido !!