quinta-feira, 22 fevereiro, 2024

Situação do HRO: CEC entrega ofício ao governador de SC

Compartilhe essa notícia:

“Que o Hospital Regional do Oeste permaneça como instrumento efetivo de saúde pública, sem que envolva qualquer interesse que não seja o da comunidade como um todo, até porque a comunidade não deseja mudança na gestão, mas que o estabelecimento receba os recursos oficiais suficientes para realizar os serviços que a população merece.” Essa é uma das manifestações do Centro Empresarial de Chapecó (CEC) em ofício entregue ao governador Jorginho Mello e à secretaria estadual da Saúde, Carmen Zanotto. A entrega do ofício em defesa do investimento do governo catarinense ocorreu na última sexta-feira, 10 de novembro, durante evento no Hospital da Criança, e foi feita pelo presidente do Conselho, Marcos Antonio Barbieri, após reunião de lideranças empresariais realizadas no mesmo dia.

 No documento, o CEC enfatiza o papel do HRO como referência para 1,3 milhão de habitantes, mesmo com o enfrentamento de um déficit mensal entre R$ 6,5 e 7,0 milhões de reais, por falta de investimento estadual. Também são assinalados serviços como 2 mil internações e 5 mil atendimentos por mês no Pronto Socorro, o quadro enxuto de 1.500 colaboradores e 90% dos atendimentos efetivados através do SUS.

Juntamente com a apresentação de números representativos do trabalho realizado pelo Hospital Regional do Oeste, o ofício enfatiza a defesa de que o estabelecimento permaneça com gestão comunitária por meio da Associação Lenoir Vargas Ferreira (ALVF). A propósito, também lembra que precisa ser considerada, em qualquer decisão que for tomada em relação ao hospital, o passivo de R$ 20 milhões que a associação assumiu com médicos e fornecedores para manter as atividades.

Compatibiliza despesas e receita

“Que a sociedade local, por meio da Associação Lenoir Vargas Ferreira, pela qual seus integrantes dedicam ao HRO atuação voluntária, permaneça cuidando da gestão do estabelecimento e que o governo do Estado faça o repasse do valor suficiente para compatibilizar a despesa com a receita”, especifica o ofício entregue ao governador. Além do presidente do Centro Empresarial de Chapecó, em nome de 16 associações e sindicatos empresariais, assinaram o ofício os presidentes da Aurora Coop, Neivor Canton, e da Cooperativa Agroindustrial Alfa, Romeo Bet.

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Representantes dos Emirados Árabes demonstram interesse em investir em SC

Nesta segunda-feira 19, durante reunião da comitiva catarinense no Ministério do Comércio dos Emirados...