quinta-feira, 29 fevereiro, 2024

Governo de Santa Catarina quer produzir energia em barragens existentes

Compartilhe essa notícia:

O governador Jorginho Mello concedeu entrevista coletiva para os veículos de imprensa da região do Vale do Itajaí após sobrevoar as áreas atingidas pelas cheias em Santa Catarina. Foi mais um dia de trabalho no acompanhamento da resposta da Defesa Civil em cada município. Do alto, ele verificou como o estrago poderia ter sido maior sem a existência das barragens de contenção, que atuam contra as enchentes nas cidades da região.

“As barragens ajudaram efetivamente. Elas cumpriram seu papel, e foram construídas pra isso. Mas temos que cuidar delas melhor. Nós vamos revitalizar as barragens. E vamos fazer um projeto com a Celesc para que em situações como essa, a água armazenada seja transformada em energia. Fazer com que essa energia limpa possa se transformar em investimento para o Vale. Precisamos reinvestir em tudo aquilo que evite enchente, em obras de prevenção”, disse o governador na oitava missão em cidades atingidas desde o início das chuvas.

Outra área sobrevoada foi a barragem de José Boiteux, que chegou em um ponto próximo de verter de forma segura e monitorada. As autoridades presentes relataram como a ativação da barragem representou um papel importante para evitar um cenário ainda pior nas cidades às margens do rio Itajaí-Açu.

“Quero fazer publicamente aqui um agradecimento pelo fechamento da barragem de José Boiteux. Ela foi fundamental para todas as cidades do Médio Vale, isso foi essencial”, disse o presidente da Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí e prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt.

Na agenda de compromissos, Jorginho Mello também foi a Rio do Sul, no Alto Vale. Eles almoçaram em conjunto com os moradores da cidade que estão em um abrigo. Ele destaca a importância do trabalho dos voluntários catarinenses, que elaboram essas refeições no local, por exemplo, além de todo o esforço realizado pelos atores do Governo que estão trabalhando na proteção e na resposta ao desastre climático.

“Nós estivemos em Rio do Sul também. Estivemos no comando de controle. O trabalho da Polícia Militar, dos Bombeiros, das Defesas Civis, nós vamos ter que agradecer muito, temos que exaltar esse pessoal. Essa operação que eles estão fazendo em Santa Catarina é a maior da história”, disse o governador Jorginho Mello.

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Homem morre após colidir motocicleta em poste de energia 

Segundo os bombeiros com o impacto do acidente a moto teria incendiada Por volta da...

Desempenho da indústria da construção cai, mas fica acima do esperado para janeiro

Pesquisa da CNI, em parceria com a CBIC, aponta que queda da atividade e do emprego na passagem de dezembro de 2023 para janeiro de 2024, no entanto o recuo foi mais brando do que a média do mês

Desempenho da indústria da construção cai, mas fica acima do esperado para janeiro

O desempenho da indústria da construção e do emprego em janeiro caiu na comparação...

Comerciante é preso por porte ilegal de arma de fogo

Durante abordagens da PM o homem teria tentado esconder a arma no balcão do...