terça-feira, 16 abril, 2024

Fraternidade e Amizade Social são tema da Campanha da Fraternidade

Compartilhe essa notícia:

Neste ano, campanha completa 60 anos ininterruptos

A Campanha da Fraternidade 2024 tem o tema Fraternidade e Amizade Social e o lema Vós sois todos irmãos e irmãs (Mateus 23,8). O lançamento da campanha foi na Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília, nesta Quarta-feira de Cinzas (14), dia que marca para as religiões cristãs o início da Quaresma. O período, com duração de 44 dias, com fim na Quinta-feira Santa, é considerado de reflexão e recolhimento para os cristãos até a Páscoa, data de comemoração da ressurreição de Jesus Cristo, depois de seus sofrimentos e morte.

Este ano, a Campanha da Fraternidade completa 60 anos ininterruptos. Nesta edição, a campanha foi inspirada na Carta Encíclica Fratelli Tutti assinada em outubro de 2020, na cidade italiana de Assis, pelo Papa Francisco.

Durante a cerimônia de lançamento da iniciativa, foi apresentado um vídeo da autoridade máxima da Igreja Católica sobre a campanha deste ano. Na mensagem, o Papa Francisco convida os brasileiros, durante a Quaresma, ao reconhecimento da vontade de Deus de que todos sejam irmãos e irmãs, em uma fraternidade universal. 

“Lembro da necessidade de alargar os nossos círculos para chegarmos àqueles que, espontaneamente, não sentimos como parte do nosso mundo de interesses, de estender o nosso amor a todo ser vivo, vencendo fronteiras e superando as barreiras da geografia e do espaço”, disse o papa.

Já o secretário-executivo de Campanhas da CNBB, padre Jean Poul Hansen, esclareceu que o tema e lema foram escolhidos há 2 anos pelos religiosos brasileiros. “Em 2022, tocava o coração dos nossos bispos a realidade do povo brasileiro dividido, polarizado, onde cresce a indiferença, o ódio e a violência. Mas, também tocava o coração dos nossos bispos o rico magistério do amado Papa Francisco, que na sua Encíclica Fratelli Tutti nos apresentou o remédio para esse mundo: a amizade social”.

O secretário-geral da CNBB, dom Ricardo Hoepers, ainda enfatizou que a Campanha da Fraternidade 2024 ocorre em um momento de fortalecimento do compromisso de cuidado com outras pessoas, chamadas pelo religioso de “o próximo”. 

“No texto-base, aparecem os sinais de divisões, inimizades, guerras, discórdias, tristeza, perda de sentido da vida. Mas podemos ver também uma Igreja em saída, pessoas comprometidas, podemos ver um empenho maior de uma consciência maior do nosso papel de batizado de cristão neste mundo”, diz dom Ricardo Hoepers.

60 anos

A Campanha da Fraternidade teve início em 1962, na arquidiocese de Natal e, a partir de 1964, se estendeu a todo o Brasil. Naquele ano, o tema foi Lembre-se: você também é Igreja.

Em vídeo, o Papa Francisco também destacou o trabalho dos integrantes da CNBB nesses 60 anos da Campanha da Fraternidade. “Um itinerário de conversão que une fé e vida, espiritualidade e compromisso fraterno, amor a Deus e amor ao próximo, especialmente àquele mais fragilizado e necessitado de atenção. Esse percurso é proposto, a cada ano, à Igreja no Brasil e a todas as pessoas de boa vontade desta querida nação”.

No Brasil, o secretário-geral da CNBB, dom Ricardo Hoepers, celebrou as seis décadas ininterruptas da ação evangelizadora, em nível nacional. “São 60 anos de uma vivência eclesial que, em busca de conversão pessoal, comunitária e social, com propostas que unem todas as dioceses e a nação inteira. 60 anos de solidariedade e de projetos que salvaram e transformaram vidas. 60 anos de coragem e coerência também anunciando o Evangelho e denunciando injustiças.”

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Neste sábado será Dia D de vacinação

Neste sábado, 13 de abril, será Dia D da Campanha de Multivacinação nas 26...

AMA Oeste recebe nova sede

Na noite de quarta-feira (10) aconteceu em Chapecó a inauguração do novo espaço da...

PM e deputado Altair Silva debatem instalação de colégio militar em Chapecó

O deputado Altair Silva (PP) participou nesta quinta-feira (11) de uma reunião no 4º...

Professores estaduais poderão entrar em greve

Mais de 500 mil alunos da rede estadual poderão ficar sem aula se não...
error: Este conteúdo é protegido !!