quinta-feira, 29 fevereiro, 2024

Estudantes de Chapecó apresentam em Brasília projeto de acessibilidade selecionado pela Embaixada dos Estados Unidos

Compartilhe essa notícia:

As estudantes do curso técnico integrado ao ensino médio do Instituto Federal Campus Chapecó e o professor orientador, embarcaram nessa quinta-feira 05 de outubro, para Brasília, para apresentar o Projeto selecionado na competição Power4Girls.
A equipe do IFSC selecionada na edição deste ano é formada pelas alunas Milena Ghisleni Raimann (15 anos), Vitória Mucelini Wagner (16 anos), Eduarda Bueno Zonta (18 anos) e Karoline Paula Coletti Gomes (17 anos) – todas do curso técnico integrado em Informática, com a orientação do Professor do IFSC de Chapecó, Marcos Virgílio, e mentoria da Estudante da Universidade de Brasília, Sara Lima.
As alunas Chapecoenses desenvolveram, durante os meses de abril a outubro, um protótipo da plataforma Arduíno para inclusão de pessoas com deficiência visual ou baixa visão.
O Arduíno é uma plataforma de código aberto para desenvolvimento de projetos eletrônicos. Com o projeto das estudantes, a intenção é que quem tenha deficiência visual também possa aprender e praticar conceitos de eletrônica, automação e internet das coisas. A plataforma foi testada junto ao público da Adevosc Chapecó e segundo o professor Marcos Virgílio, o Programa vai para Brasília aprovado pelo público.
O programa Power4Girls conta com a implementação do Instituto Gloria, que tem como foco o combate à violência de gênero, da Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no Brasil, o apoio institucional do CONIF (Conselho Nacional de Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica) e inclui também a parceria de várias outras instituições do setor privado
O Power4Girls tem foco no empoderamento feminino por meio de estratégias voltadas para o empreendedorismo, inovação, criatividade e liderança.
A iniciativa é voltada para alunas de instituições da Rede Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de todo o país que buscam, de forma criativa, solucionar um problema/questão na área de acessibilidade e inclusão.
As estudantes chapecoenses também participaram, ao longo de 2023, de mentorias, oficinas, webinar e treinamentos.
Ao todo no período de 05 a 08 de outubro, 20 equipes de estudantes de todo o Brasil participam, em Brasília, de uma feira de inovação focada na apresentação dos protótipos desenvolvidos, apresentações em formato de pitch do trabalho final e conclusão do programa.
Neste momento será feita a avaliação final do programa, entrega dos prêmios para os projetos mais bem avaliados, assim como a cerimônia de encerramento do Power4Girls.

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Motores e produtos de madeira são destaques nas exportações de janeiro

Vendas externas catarinenses somaram US$ 852 milhões no mês. Estados Unidos seguem como principal...

Mulheres são maioria dos candidatos no concurso unificado

Inscritos de 5.555 municípios vão participar da seleção Dos mais de 2,1 milhões de candidatos...

Lula revoga reoneração de 17 setores da economia

Decisão é fruto de acordo com o Congresso; governo apresentará projeto O presidente Luiz Inácio...

Homens são presos por furto casa lotérica 

Agentes de empresa de segurança privada seguraram os homens que estavam dentro da lotérica...