quinta-feira, 29 fevereiro, 2024

Consulta pública ouvirá sugestões sobre tributação em SC

Compartilhe essa notícia:

Cidadãos poderão sugerir medidas voltadas à eliminação de exigências de natureza tributária, à informatização e à automação dos instrumentos necessários para o pagamento do ICMS

A Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) lançou nesta quinta-feira, 25, uma consulta pública para receber sugestões que levem à simplificação das chamadas obrigações tributárias acessórias relacionadas ao ICMS em Santa Catarina. O formulário estará disponível neste link até o próximo dia 5 de fevereiro.

Por meio deste canal, os cidadãos poderão sugerir medidas voltadas à eliminação de exigências de natureza tributária, à informatização e à automação dos instrumentos necessários para o pagamento do ICMS.

A consulta faz parte do mesmo plano de ação que instituiu a criação de Grupos de Trabalho (GTs) para simplificar as obrigações acessórias relativas ao ICMS. O objetivo é estabelecer um novo canal de comunicação entre a administração pública e a sociedade, fortalecendo sua participação na gestão tributária estadual.

Após o encerramento da consulta, as sugestões serão organizadas por temas e encaminhadas aos grupos de trabalhos dedicados às mesmas temáticas do levantamento.

CONSULTA PÚBLICA:

As sugestões poderão ser encaminhadas por qualquer pessoa física ou jurídica sobre oito temas:

  • Nota Fiscal Eletrônica (NFe);
  • Escrituração Fiscal Digital (EFD ICMS/IPI) e livros fiscais não digitais;
  • Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFCe) e Programa Emissor de Cupom Fiscal (PAF-ECF);
  • Conhecimento de Transporte Eletrônico (CTe) e Manifesto Eletrônico de Documento Fiscais (MDFe);
  • Obrigações assessórias relacionadas ao Tratamento Tributário Diferenciado (TTD);
  • Cadastro Tributário;
  • Simples Nacional;
  • Comércio Eletrônico.

No campo “simplificação sugerida”, o contribuinte deverá descrever a sugestão de forma sucinta, permitindo uma verificação preliminar quanto à sua extensão e ao seu conteúdo.

No campo “justificativa”, o contribuinte deverá detalhar a proposta de forma clara e objetiva, indicando os motivos técnicos para a sua implementação.

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Projeto resgata plantas medicinais nativas da Mata Atlântica

Associação de pequenos Agricultores do Oeste Catarinense é uma das envolvidas neste programa Em resposta...

Expo Guatambu 2024: empresas já podem se credenciar

Para expor na feira, empresas precisam de credenciar. O edital de credenciamento ficará aberto...

Briga por estacionamento termina em morte 

Dois homens haviam se desentendido, momento em que um homem de 24 ano desferiu...

Mais de 250 Ciclistas participam de competições

Foram realizadas neste final de semana, sábado 24 e domingo 25, duas importantes competições...