Com o triunfo do último domingo, Chape depende apenas de si mesma para se classificar a próxima fase do estadual

Divulgação / ACF

Depois de oito rodadas a Chapecoense venceu pela primeira vez no Campeonato Catarinense. Contra o Joinville, na tarde de domingo, o Verdão do Oeste balançou as redes três vezes no segundo tempo, com Foguinho, Derlan e Guedes, e deixou a zona de luta contra o rebaixamento da competição.

Com a vitória, a Chapecoense chegou aos sete pontos e subiu para a oitava colocação, na zona de classificação para a próxima fase. O Joinville se manteve com 10 pontos, na quinta colocação.

“Continuo pedindo tempo. É processo de evolução. Quando vence não é mil maravilhas. A gente sabe o que precisa evoluir para crescer como equipe. E quando perde não tem terra arrasada. Pé no chão. Temos muito para conquistar ainda. A vitória é importante, temos que comemorar, daí é projetar o jogo contra Tubarão”, explica o treinador em entrevista coletiva.

Para garantir a classificação para a próxima fase, e a permanência da primeira divisão do estadual, a Chape precisa vencer fora de casa contra o Tubarão. O Verdão do Oeste soma oito pontos, apenas um ponto a mais que Concórdia e Tubarão que somam seis pontos cada. Caso perca a partida, o clube precisará passar pelo “mata-mata” do rebaixamento.

Chapecoense e Tubarão se enfrentam no próximo domingo às 16h no estádio Domingos Gonzalez em Tubarão.