quarta-feira, 17 abril, 2024

Campeonato Sul-Brasileiro de Motonáutica reúne mais de cinco mil pessoas no Goio-Ên

Compartilhe essa notícia:

Os treinos foram no sábado (17) e as provas no domingo (18), com mais de 20 participantes

Mais de cinco mil pessoas prestigiaram o Campeonato Sul-Brasileiro de Motonáutica, realizado neste final de semana, no porto Goio-Ên, em Chapecó.

Os treinos foram no sábado (17) e as provas no domingo (18), com mais de 20 participantes. Uma das atrações foi o piloto de Porto Rico, Anthony Acosta, que já competiu nos Estados Unidos, México, Colômbia e Indonésia. Na primeira prova que ele disputou, da V 1700, acabou tendo problemas mecânicos com o barco. Mas na Força Livre acabou vencendo.

Tinha também uma competidora da Argentina na categoria infantil V 300.

Entre os brasileiros um dos competidores foi Carlos Mecca, de Erechim. Ele competia provas de arrancada e há cerca de uma década mudou para a motonáutica, influenciado por um amigo.

“Eu recomendo este esporte para as pessoas pois é muita adrenalina, é uma terapia. A gente tem oportunidade de se enturmar com outras famílias, de competir com pilotos internacionais e aqui no Goio-Ên tem boas condições para sediar competições náuticas”, disse Mecca.

A primeira das seis provas foi vencida por Lauro Eduardo Trisch, 12 anos, de Canoas. 

Ele é o atual campeão gaúcho da categoria V 300, saiu atrás na prova de Chapecó mas buscou a vitória nas.volta finais.

“Foi legal a prova”, disse, ao sair do barco.

A competição foi promovida pela Associação de Motonáutica do Rio Grande do Sul, com apoio da Prefeitura de Chapecó.

O presidente da Fundação de Esporte de Chapecó, Agnaldo Veriato Pereira, avaliou que o evento foi um sucesso: 

“Para nós é um evento novo, que teve boas provas, pilotos internacionais e um público surpreendente. Junto com a Associação Gaúcha de Motonáutica tivemos o apoio de várias secretarias e órgãos da Prefeitura, das Forças de Segurança do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina”, disse Agnaldo.

O gerente de Projetos e Captação da Fundação de Esporte de Chapecó, Mário Tomasi, agradeceu aos muitos parceiros do evento, entre eles a Maxsul, pelo patrocínio, e a Foz do Chapecó Energia S. A., pela liberação do lago, que fica na área alagada do Rio Uruguai, criada após a construção da hidrelétrica Foz do Chapecó.

“Foi a retomada dos eventos náuticos em Chapecó e os pilotos elogiaram as condições das provas. Além disso realizamos ações de conscientização ambiental, como a soltura de três mil alevinos, o plantio de dezenas de mudas de espécies nativas e a reciclagem do lixo”, disse Tomasi.

O presidente da Associação Gaúcha de Motonáutica, Rodrigo Polasek, agradeceu o apoio da Prefeitura de Chapecó, da Fundação de Esporte e disse que pretende voltar a Chapecó no próximo ano.

E o prefeito João Rodrigues concordou em dar continuidade às competições náuticas e ampliando o número de pilotos e estrutura. 

“Chapecó se destaca no turismo de eventos e nós estamos incentivando ainda mais o setor, apoiando eventos, melhorando a infraestrutura, construíndo novos pavilhões, modernizando a Arena Condá, construindo a Arena Chapecó e nos próximos dias vamos licitar a pista do Autódromo Internacional”, disse o prefeito.

Também apoiaram o evento a Fundação Cultural de  Chapecó, a superintendência dos distritos de Marechal Bormann e Goio-Ên, a Diretoria de Segurança Pública a Polícia Militar, Polícia Ambiental, Bombeiros, Marinha, Brigada Militar,  Unochapecó/Fundeste, Gerência de Resíduos Sólidos e a Diretoria de Meio Ambiente, Diretoria de Desenvolvimento Econômico e NAPA.

Pódio 

V 300

1- Lauro Trisch, de Canoas-RS

2- Valéria Rohde, de São Valentim-RS

3- Felipe Schneider, de Cruzeiro do Sul-RS

V 700

1- Cassiano Schneider,  de Cruzeiro do Sul-RS

2- Cristiano Schlosser,  de Cruzeiro do Sul-RS

3- André Cassemiro, de Getúlio Vargas-RS

V 1700

1- Rodrigo Polasek, de Erechim-RS

2- Carlos Mecca, de Erechim-RS

3- Anthony Acosta, de San Juan- Porto Rico

R 2.5 A

1- Alceu Conte, de Lajeado-RS

2- Edu Trisch, de Canoas-RS

3- Luciano Diniz, de São Jerônimo-RS

R 5000

1- Jonathan  Bonafi

2 – Pelegrini, de Nova.Santa Rita

3 – Foca, de Erechim-RS 

FORÇA LIVRE

1- Anthony Acosta, de San Juan-Porto  Rico

2- Carlos Mecca, de Erechim-RS

Pódio da Motonáutica 

V 300

1- Lauro Trisch, de Canoas-RS

2- Valéria Rohde, de São Valentim-RS

3- Felipe Schneider, de Cruzeiro do Sul-RS

V 700

1- Cassiano Schneider,  de Cruzeiro do Sul-RS

2- Cristiano Schlosser,  de Cruzeiro do Sul-RS

3- André Cassemiro, de Getúlio Vargas-RS

V 1700

1- Rodrigo Polasek, de Erechim-RS

2- Carlos Mecca, de Erechim-RS

3- Anthony Acosta, de San Juan- Porto Rico

R 2.5 A

1- Alceu Conte, de Lajeado-RS

2- Edu Trisch, de Canoas-RS

3- Luciano Diniz, de São Jerônimo-RS

R 5000

1- Jonathan  Bonafin, de Erechim-RS 

2 – Pelegrini, de Nova.Santa Rita-RS

3 – Foca, de Erechim-RS 

FORÇA LIVRE

1- Anthony Acosta, de San Juan-Porto  Rico

2- Carlos Mecca, de Erechim-RS

Siga nas Redes Sociais

5,000FãsCurtir
11,450SeguidoresSeguir
260SeguidoresSeguir
760InscritosInscrever

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Homem é preso por porte ilegal de munição

Ao ser abordado pela PM o homem fugiu para dentro de casa e tentou...

Neste sábado será Dia D de vacinação

Neste sábado, 13 de abril, será Dia D da Campanha de Multivacinação nas 26...

Inflação de março pesou menos para famílias de renda alta

 As famílias com renda mensal alta (acima de R$ 21.059,92) sentiram menos o peso...

Shopping promoveu sessão de cinema para pessoas autistas

Lazer e inclusão definiram a primeira Sessão Azul realizada no último sábado, 13 de...
error: Este conteúdo é protegido !!